23.12.16

Dolores Duran Pela Rua com Elizeth



Esta é a versão clássica de Elizeth. 
Houve outras igualmente belas de Maysa e Nana Caymmi. 
A melodia é de J. Ribamar e a letra de Dolores Duran. 
Escolhi essa porque tem um solo de sax fundamental 
de fim de noite, e o uuuuuu de Elizeth depois do verso 
"Passou um lamento...",  o que dá à canção tanto uma 
atmosfera cósmico-sobrenatural de tristezas lunares,
quanto uma melancolia negra das plantations.
Elizeth era foda.
O arranjo é antigão perfeito.
O amor muito mais.


Os versos de Dolores:

No ar parado
Passou um lamento…
Riscou a noite
E desapareceu.
Depois a lua
Ficou mais sozinha
Foi ficando triste
E também se escondeu.
Na minha vida
Uma saudade meiga
Soluçou baixinho
No meu olhar
Um mundo de tristezas
Veio se aninhar
Minha canção
Ficou assim sem jeito
Cheia de desejos
E eu fui andando
Pela rua escura
Pra poder chorar.


No ar parado
Passou um lamento...