14.11.05

Image hosted by Photobucket.com


poesclerose


poeta das areias sujas de ipanema
tua poesia ficou velha
ipanema ficou velha
enrugadas no ABC da belartrite

tu também ficastes velho
bengala eterna dos versos laudatórios
que ninguém mais suporta ouvir

poeta do desbunde, meu poeta libertário
nem tudo está perdido

-- olha --

ainda tens a janela do ônibus pra pensar
e uma última folha de mallarmé para apertar.


-------