20.6.04



Das coisas que os livros contam


Que Matusalém morreu aos 979 anos.
Que Deus é esferoidal e existe sim, nós é que não existimos.
Que o mundo é minha representação. A mente, um teatro.
Que Pitágoras dialogava com um cão.
Que nunca entramos duas vezes no mesmo rio e a lua é da cor da areia.
Que a duração da vida é como a roda da carruagem, toca a terra num único ponto.
E a alma, depois da morte do corpo, esquece o próprio nome.

Feche os olhos e veja um bando de pássaros.
Eu e você jamais saberemos quantos pássaros você viu.
Por que os melhores escritores são do tempo em que não havia literatura infantil?


(imagem: Michal Macku)