8.4.04

diálogos improváveis




-- Querida, já passa das duas da manhã e você não sai desse blog! Vem, vamos pra cama.

-- Ai, me larga, amor, espera, só falta eu ver o contador de acessos.