1.3.04

"O Brasil está em nossas mãos, e não adianta lavar"



Vote em mim e não se preocupe

Povo bom da minha terra
Povo besta e sofredor
Povo que vive cansado
De ser explorado sem nenhum pudor
Supondo que você
eleitor que se preze
Tendo eu fé em você
Você fé em mim
É chegada a hora
De unir nossas fezes

Prometo ajudar o pobre
O valente e o mofino
A rapariga, o rico, o velho e o menino
A classe trabalhadora
E a minha pessoa

Não jogue fora o seu voto fora
Vote em mim nem que seja agora
Pois eu sou comprometido com as reformas
Nem que seja da piscina da casa da minha sogra


Orai & Vigiai


Eu sou o enviado divino,
O pastor que vem pra lhe salvar.
Para tanto é bastante pagar o dízimo
E diariamente no culto orar.
Chego na igreja de manhã,
Fico de sábado a sexta-feira.
Faço um acabamento nas irmãs
E ainda chuto a padroeira.

E digo conforme o versículo nono:
"Mais valem duas pedras no meio do caminho
Do que uma no rim..."

Garanta seu lugar no Paraíso,
Este campo santo ocupacional,
Pois nossa ordem é credenciada
No alto comando celestial.
Se livre de tudo que for banal:
Sua casa, seu carro, sua geladeira.
Seja manso, bom e fraternal,
Pague em dia o carnê da nossa igreja.

Pois conforme diz o versículo nono:
"Mais valem duas pombas moles na mão
Do que uma dura voando..."


Falcão